Search
Close this search box.

Google Lança Novo Filtro de Spam para Classificar Mensagens Indesejadas com Maior Eficácia

O Google anunciou recentemente o lançamento de um novo filtro de spam que promete melhorar significativamente a classificação de mensagens indesejadas. De acordo com a empresa, o novo método de detecção de spam, chamado RETVec, apresentou uma melhora de 38% na eficácia e reduziu os falsos positivos em 19,4%.

O RETVec é um vetorizador de texto multilíngue que mapeia palavras em vetores, permitindo uma análise mais precisa e abrangente das mensagens. Essa ferramenta foi extensivamente testada pelo Google e é considerada altamente eficaz para aplicativos de segurança e antiabuso.

Uma das principais otimizações do RETVec é a capacidade de detectar e compreender manipulações de caracteres, como erros de digitação. Isso significa que o filtro é capaz de identificar mensagens que tentam burlar os sistemas de detecção de spam através de truques como substituição de letras ou caracteres especiais.

O Google considera a implementação do RETVec uma das maiores atualizações de defesa contra spam dos últimos anos. Uma das vantagens dessa nova ferramenta é que ela funciona imediatamente em todos os idiomas e caracteres UTF-8, sem a necessidade de pré-processamento de texto.

Com esse novo filtro, o Google espera proporcionar uma experiência de e-mail mais limpa e segura para os usuários. A detecção aprimorada de spam resultará em uma redução significativa da quantidade de mensagens indesejadas que chegam às caixas de entrada dos usuários, tornando o uso do e-mail mais eficiente e produtivo.

O lançamento do RETVec reforça o compromisso do Google em combater o spam e proteger os usuários contra mensagens indesejadas. A empresa continuará a investir em tecnologias avançadas para manter a integridade de suas plataformas e garantir a segurança dos usuários.

Foto de Solen Feyissa na Unsplash

Vinicius Junior

Vinicius Junior

Entusiasta da comunicação, Vinicius é Analista de TI e colaborador na revisão dos artigos deste blog, os quais são gerados por IA.